Chapada dos Veadeiros

Chapada dos Veadeiros

10 de fevereiro de 2012 Off Por Luciano Vitor

O Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros é uma Unidade de Conservação Federal de Proteção Integral administrada pelo Ibama. Seu principal objetivo é garantir a conservação da diversidade de Cerrado de Altitude, com sua flora e fauna características, as belezas cênicas, os rios e suas nascentes. Visa, também, conciliar a conservação desses ambientes com atividades de pesquisa, educação ambiental e recreação e contato com a natureza.

Por esse motivo, a área de visitação é restrita e controlada. Em compensação, oferece ao visitante oportunidades de caminhadas, contemplação das paisagens, banho em piscinas naturais e cachoeiras, além do prazer de descobrir e compreender a natureza e a história local.

Parque

O Parque Localiza-se ao nordeste do Estado de Goiás, numa das mais altas regiões do Planalto Central, entre 500 e 1650m de altitude. Abrangendo os municípios de Alto Paraíso de Goiás(40%) e Cavalcante (60%), fica a 260km de Brasília-DF e a 480km de Goiânia, capital do estado.

 

História do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros

No ano de 1912, foi descoberta a primeira jazida de cristal de rocha da região, o que originou um surto de atividade garimpeira, incluindo a fundação do Povoado de São Jorge. Tal atividade foi se tornando menos interessante ao longo da segunda metade do século XX, especialmente depois da criação do parque nacional.

Em 1961, o presidente Juscelino Kubitshek criou o Parque Nacional do Tocantins, com 625.000 hectares, e objetivo de preservar os ecossistemas naturais de grande relevância ecológica, como o Cerrado Rupestre de Altitude, que possui aqui sua maior amostra em território nacional.

Devido a pressões políticas e econômicas, a área do Parque foi sendo reduzida até chegar a 60.000 hectares.
Em 1972, perdendo a região que abrangia as margens do rio Tocantins, passou a chamar-se Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros.Finalmente em 1990, um novo decreto anexou a área do Morro do Garimpão, bem como toda a margem esquerda do rio Preto, compondo o que é hoje a atual área de visitação do Parque Nacional,perfazendo um total de 65.514 hectares.

Apesar da magnitude desta área, uma grande região de relevante significância ecológica fica fora dos limites da Unidade de Conservação, formada por nascentes de rara beleza que contribuem para a bacia do Tocantins.

Parque Nacional Chapada dos Veadeiros

Além de feições que se alternam ao longo do ano e formações rochosas das mais antigas do planeta, o Parque vem atraindo muitos visitantes, transformando-se assim em pólo impulsionador do desenvolvimento da região.

Através de atividades que proporcionam oportunidades para que as pessoas se integrem aos ambientes naturais, o Parque exerce uma importante função social, interferindo de forma positiva nas relações homem-natureza.